Sobre Gatos e Felicidade

Bom dia amig@s! Eu ainda existo risos…

Hoje fui convidado especial do site Barba Feita e falei um pouco sobre Felicidade e filosofia de gato risos..

Sobre Gatos e Felicidade | Barba Feita

Um ótimo domingo!

Anúncios

Sobre a Morte e a Vida

a morteSempre quando alguém próximo morre começo a refletir sobre o assunto. Questiono o sentido da vida, a razão de muitas mortes tão prematuras. Doenças, acidentes, assassinatos. Percebo também o valor do tempo, o valor de viver cada dia de uma vez, de me preocupar em ser feliz hoje. Quem coloca a felicidade no futuro pode nunca alcança-la.

Eu já tive medo da morte. Medo de envelhecer sozinho. De não deixar um legado para o mundo, ser esquecido, como se minha vida tivesse sido em vão. A gente tem medo de cada coisa né?

Hoje acredito, por causa do espiritismo , na reencarnação. E que nossa vida é uma escola: estamos na Terra para sermos pessoas melhores, evoluir moralmente. E enquanto não evoluímos o “suficiente” continuamos reencarnando. A ideia de um Deus que nos dá infinitas chances de melhora me parece justa. Em cada vida temos chances diferentes para aprender valores diferentes e tendo sempre o nosso livre arbítrio, onde cada ação tem uma reação – nessa vida ou nas próximas.

Para ser sincero o espiritismo me pareceu uma história de ficção no início. Uma viagem curiosa. Mas tudo que eu aprendi na Igreja Católica não parece também ficção para um Ateu?

Não consigo mais pensar na morte como antigamente. Morrer é seguir para uma nova etapa de uma existência eterna. E o que importa não é a quantidade de anos que se vive, mas sim o bem você fez. Já não tenho mais medo da morte e do tempo. E para a vida procuro dar o melhor de mim e acreditar que o nosso legado é a certeza de ter feito a diferença para o mundo e para mim mesmo.

“Uma existência é um ato. Um corpo – uma veste. Um século – um dia. Um serviço – uma experiência. Um triunfo – uma aquisição. Uma morte – um sopro renovador. Quantas existências, quantos corpos, quantos séculos, quantos serviços, quantos triunfos, quantas mortes necessitamos ainda?” Trecho do livro Nossa Lar

Tema 1 – Educação

Desde setembro estou fazendo um curso chamado Escola de Aprendizes do Evangelho, cujo objetivo é aprofundar os ensinamentos de Jesus pelo ponto de vista espírita, que não é tão diferente de outras religiões cristãs.

Além disso outro objetivo da escola é a reforma íntima. A reflexão é fundamental para ganharmos entendimento dos nossos defeitos e qualidade e buscar ser uma pessoa melhor.

Me livrei de certos preconceitos e fui conhecer o espiritismo por curiosidade. Fiquei impressionado de como diversos pontos de vista da doutrina combinavam comigo e então resolvi fazer o curso para aprender mais.

Uma das atividades do curso é o caderno de temas, que consiste em temas periódicos para a reflexão. Decidi então dividir essas reflexões aqui no blog também. Convido quem quiser também escrever uma reflexão sobre o tema. Vamos lá então…

Tema 01: “Nas lutas habituais, não exija a educação do companheiro. Demonstre a sua”.

É fácil amar quem nos ama. Assim também é fácil para mim conviver com quem é gentil, educado, simpático. Trato bem e com educação as pessoas nas diversas situações.

Mas quando alguém me trata de maneira agressiva preciso me esforçar muito para manter a calma e o controle. Muitas vezes respondo uma grosseria com outra, como que se quem gritasse por último gritasse melhor.

A vontade de me defender com atitudes negativas é quase que natural e instintiva, porém tenho a consciência que a paciência e a humildade são fundamentais para manter a educação e a convivência com as pessoas, apesar de que nem sempre é fácil usar tais virtudes.