I Miss You

Eu tinha pouco mais de quinze anos. Talvez dezesseis. Lembro que ele foi a primeira pessoa com quem conversei mais do que alguns minutos. A sala de bate-papo era um mundo novo, cada pessoa ali era uma esperança de não estar sozinho.

Maurício era seu nome. Talvez só um apelido. Tínhamos medo de sentir. Medo do tesão, da vida. Ele foi de alguma forma meu primeiro amigo gay. Mesmo que virtual. Mesmo que do outro lado do país. Mesmo que tenha se perdido com o tempo.

Hoje ouvi na rádio a música que me fez lembrar dele. Aquela que ele me mandou em uma madrugada de 2004 e me fez lembrar de como eu já tive medo de tudo que a vida guardava para mim. Graças a Deus a gente amadurece, muda, perde o medo de buscar ser feliz.

Porque eu cansei de esperar e comecei a viver! Espero que você também.

Anúncios

Deixe um comentário...

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s